24 de set de 2011

Beto Richa diz que construção de viadutos “ é responsabilidade da prefeitura de Foz"

Blog do Tarso

Mais uma vez, Beto Richa surpreendeu os jornalistas durante visita a Foz. Uma pena a maioria não acompanhar o destempero do governador em relação a um dos principais problemas da cidade: a falta de viadutos.  Apenas três repórteres foram testemunhas da seguinte declaração.

“Eu tenho conhecimento que o prefeito de Foz esteve em audiência com o Deputado Reni Pereira e o secretário de Infraestrutura para discutir o assunto. Primeiro quero colocar que isso é uma responsabilidade da prefeitura”, respondeu.

A resposta mostrou, prontamente, uma forma de empurrar o problema, e não de solucioná-lo. A pergunta, feita no sentido de obter uma afirmação positiva, diante dos novos e recentes fatos, acabou revelando traços da maneira como o governador lida com a questão.

Primeiro que a responsabilidade pela construção de viadutos não é da prefeitura, muito menos foi algum dia, uma vez que a rodovia é federal, cedida ao Estado, e desde 1996, está sendo administrada pela Ecocataratas, a qual cabe executar obras previstas no contrato de concessão. E a fiscalização do contrato da concessionária é realizada pelo DER (Departamento de Estradas e Rodagem), órgão estadual.

Na semana passada, o deputado Reni Pereira, acompanhou o prefeito Paulo Mac Donald em uma reunião com secretário de Infraestrutura e Logística, José Richa. Na ocasião,  o prefeito propôs que o Município construa uma trincheira na Avenida Paraná e o Estado invista na construção de outras duas na Costa e Silva e entrada da cidade.  O custo total das obras é de R$ 3,6 milhões.

O valor de cada trincheira, segundo projeto elaborado pela prefeitura, é de R$ 1,2 milhão. A proposta é uma alternativa aos viadutos. Cada viaduto custa, em média, R$ 3 milhões, ou seja, mais do que o dobro de cada passagem de nível.

“A responsabilidade é da administração municipal, mas o Estado está presente para tentar auxiliar o que estiver ao alcance. A proposta está sendo discutida no âmbito da secretaria. Eu sei que o cidadão não quer saber de quem é a responsabilidade, ele quer que seu problema seja resolvido. Eu tenho procurado retribuir a confiança dos paranaenses com atuação sem politicagem, retaliação política ou vingança”, declarou Richa.

Antes de a entrevista ser interrompida por assessores, o governador disse que a população pode ficar confiante que a “Secretaria de Infraestrutura está avaliando de forma técnica a proposta”.


Um comentário:

Anônimo disse...

Esse aí só sabe andar de Helicóptero da Helisul mesmo, playboyzinho.