2 de jul de 2011

Um semestre para entrar na história do Turismo de Foz

As belezas das Cataratas do Iguaçu atraem a cada ano mais visitantes (JIE)

O movimento de turistas em Foz do Iguaçu obteve o melhor desempenho da história no primeiro semestre de 2011. Nas Cataratas do Iguaçu, o número de visitantes aumentou 17,39% nos primeiros seis meses do ano, em relação ao mesmo período de 2010.

De janeiro a julho de 2011, passaram pelo lado brasileiro do Parque Nacional do Iguaçu 668.706 visitantes. A expectativa da direção da unidade de conservação é superar 1,5 milhão de turistas pelo lado brasileiro das Cataratas do Iguaçu.

Na usina hidrelétrica de Itaipu, a visitação turística cresceu 16,96% em relação ao mesmo período do ano passado. Entre janeiro e julho de 2011, 194.901 pessoas visitaram os atrativos da maior usina hidrelétrica do mundo em geração de energia. Estes números não computam as visitas institucionais, técnico-científicas e as recebidas pela margem paraguaia da usina.




No Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, o embarque e desembarque de passageiros chegou a 57,44%, o maior crescimento dentre os principais aeroportos brasileiros. O terminal recebeu 808.150 passageiros neste primeiro semestre, contra 513.294 do acumulado entre janeiro e junho de 2010. A Infraero estima receber 1,8 milhão de embarques e desembarques no aeroporto de Foz do Iguaçu até o final do ano.
Para as lideranças do “trade” turístico, os números do primeiro semestre confirmam que 2011 será mais um ano de quebra de recordes para o Destino Iguaçu. “Os números mostram toda a vitalidade e o potencial do Destino Iguaçu. Ao que tudo indica, teremos mais um ano de resultados extremamente positivos”, afirma o superintendente de Comunicação Social da Itaipu Binacional e presidente do Fundo de Desenvolvimento e Promoção Turística do Iguaçu (Fundo Iguaçu), Gilmar Piolla.

Para ele, este aumento está diretamente relacionado à entrada da operação de novas companhias aéreas no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu. “Tínhamos uma demanda reprimida que agora se supre com o incremento da malha aérea, com a quantidade de voos que conseguimos conquistar para Foz do Iguaçu. Estamos na rota do desenvolvimento sustentável”, concluiu Piolla.


Gozales, Piolla, Pegoraro e Ana Biesek no Salão de Turismo do Paraná (Adilson Borges)

O secretário de Turismo de Foz do Iguaçu, Felipe Gonzales, compartilha a mesma análise. “Há segmentos do mercado internacional que estão em crise na atualidade. Se não houvesse este quadro, certamente nossos números seriam ainda mais elevados”, analisou Gonzales.

O chefe do Parque Nacional do Iguaçu, Jorge Pegoraro, também está otimista sobre o resultado do primeiro semestre. “Estamos felizes porque a visitação vem aumentando mês a mês. É nosso melhor semestre e seguimos a tendência de recorde, já que estamos com 100 mil visitantes a mais que em 2010, um ano histórico no Parque”, avalia. (JIE)

 
William Bonner e Fátima Bernardes no Mirante do Vertedouro, na última sexta-feira (24). Casal disse ter se impressionado com a magnitude de Itaipu e as belezas de Foz do Iguaçu (JIE)
 

Nenhum comentário: