15 de jul de 2011

Fito Paez tem nojo da metade de Buenos Aires

Cantor e compositor argentino declarou seu “asco” após resultados nas eleições
Quando foi anunciado que Mauricio Macri, do Partido Proposta Republica (PRO) havia vencido as eleições na cidade de Buenos Aires, o famoso cantor e compositor argentino Fito Paez abriu a caixa de ferramentas.

Uma coluna na contra capa do Diário Portenho de Buenos Aires, trazia o título de “A metade”, onde Fito fez duras declarações contra seus vizinhos.

"Gente com idéias para poucos. Gente egoísta. Gente sem swing. Isso é  o que a metade da Cidade Autónoma de Buenos Aires quer para sí mesma", escreveu Paez.
Paez.

O principal opositor de Mauricio Macri era Daniel Filmus da Frente Para Vitória (FVP), candidato da atual presidenta Cristina  de Kirchner.

As declarações de Fito provocaram polêmica, principalmente nas redes sociais, dividindo opiniões. Na noite de ontem, a TV Pública Argentina apresentou até mesmo um debate em torno das declarações do músico.

O jornal o Observador, também da provincia de Buenos Aires, anunciou que a ONG “Defendamos Buenos Aires” irá denunciar Páez à Justiça e ao Instituto Nacional contra a Discriminação, a Xenofobia e o Racismo, por discriminação à cidadania.


Por Rodrigo Monzon

Nenhum comentário: